sábado, 30 de julho de 2016

"Não é pouca coisa admitir seu desejo. Muitas pessoas precisam para isso de um esforço especial de sua lealdade. Muitos não querem saber onde está seu desejo, pois lhes pareceria impossível ou por demais doloroso. E, apesar disso, o desejo é o caminho da vida. Se não admites teu desejo, não segues a ti mesmo, mas trilhas de caminhos estranhos, prescritos por outras pessoas. Mas quem deve viver tua vida, se tu não a vives?

Não é apenas imbecilidade trocar sua própria vida por uma estranha, mas também é uma brincadeira estúpida, pois nunca conseguirás viver realmente a vida de outra pessoa, tu apenas a finges, enganas o outro e a ti mesmo, pois só podes viver tua própria vida.

Se desistires de teu si-mesmo, vais vivê-lo em outra pessoa, tu te tornarás egoísta em relação a ela e, assim, enganarás a outra pessoa. Todos acreditam que tal vida é possível. Mas é apenas imitação simiesca. A fim de ceder a teus apetites simiescos, contaminas a outra pessoa, porque o macaco estimula o simiesco. Assim, fazes de ti e da outra pessoa um macaco. Através da imitação mútua viveis segundo a expectativa medana, para a qual foi estabelecida em toda a época, através dos desejos de imitação de todos, uma imagem, um herói. Por isso o heroi foi assassinado, pois tornamos-nos todos para ele macacos. Sabes porque não consegues abrir mão do simiesco? Por medo da solidão e da sujeição."

"Mas como posso conseguir o saber do coração? Só poderás conseguir este saber vivendo plenamente tua vida. Tu vives tua vida plenamente quando tu vives aquilo que nunca viveste, mas sempre deixaste para que os outros vivessem e pensassem. Tu dirás: 'Eu não posso viver ou pensar tudo o que os outros vivem e pensam.'  Mas deves dizer: 'A vida que eu ainda poderia viver, eu deveria viver, e o pensar que eu ainda poderia pensar, eu deveria pensar.'  Tu queres fugir de ti, para não teres de viver aquilo que não foi vivido até agora. Mas não podes fugir de ti mesmo. Isto está o tempo todo contigo e exige realização. Se te colocares cega e surdamente esta exigência, tu te colocarás cega e surdamente contra ti mesmo. Então jamais alcançarás o saber do coração.

O saber do coração é como teu coração é.

De um coração mau, conheces coisa má.

De um coração bom, conheces coisa boa.

Para que vosso conhecimento seja completo, considerai que vosso coração é ambos: bom e mau. Tu perguntas: 'Mas como? Devo também viver o mal?'

O espírito da profundeza exige: 'A vida que ainda poderias viver, deverias viver. O bem decide, não teu bem, não o bem dos outros, mas o bem'."

Liber Primus, C.G.J.

Quando eu fiz este blog, há anos, eu queria simplesmente falar, tal como sua url sugere. Queria me comunicar com as pessoas e comigo mesma, dizer o que eu pensava, talvez porque isso me fosse negado ou talvez eu mesma tivesse me negando.

Muito tempo depois eu fiquei olhando o arquivo desse blog e pensando em como a vida é curiosa. Em como temos a expectativa de que ela será de uma forma e na verdade tomamos um caminho completamente diferente. E se não tivéssemos tomado aquele caminho, não nos tornaríamos a pessoa que somos hoje. A vida nos oferece o que precisamos, simples assim.Toda busca é válida, porém depende somente de nós o que vamos nos tornar a partir do caminho que escolhermos.

Mas tem algo que não se altera nunca com o tempo e nem o espaço: o amor. O amor é uma força que não consegue se fazer ignorada, pois ela se manifesta através da compaixão extrema, da sinceridade, da empatia, do desapego. 

Muita gente subdefine o amor, como amor romântico, amor de mãe, amor de irmãos... Claro que as relações entre pessoas não são iguais. Mas o amor se compromete com a felicidade de simplesmente poder sentir o coração aquecido ao estar na presença daquela pessoa, sem nenhum tipo de posse ou neurose. De sentir que ela faz parte do seu caminho e do que você é. O amor é um mistério, assim como a vida, e por isso mesmo é a manifestação mais mágica que existe.

É a forma de relação que mais necessitamos nos dias de hoje, embora sua manifestação seja tão rara, em virtude da superestima ao ego. Por isso acredito nas crianças e nos animais, porque eles não mostram reservas, são abertos ao amor. 

Há uma onda de nostalgia muito forte no ar que permeia a cultura pop, vendendo livros, filmes e todo tipo de produto que a envolve. Porém eu penso que toda essa saudade do passado nos remete ao tempo em que éramos mais inocentes, utópicos e justamente mais abertos ao amor. 

terça-feira, 2 de agosto de 2011

#euconcordocomotonhocrocco

Quero postar aqui o texto que postei no site da rádio Funzine.
A questão é de censura. Do cerceamento à liberdade de expressão. Mas na verdade é muito mais do que isso.

Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul. Dia 21 de dezembro de 2010. Na pauta do dia os deputados estaduais aprovaram o reajuste de seus próprios salários em 73%.

No dia 22 de dezembro, o músico Tonho Crocco colocou um vídeo no site You Tube, com a música composta por ele, com o título "Gang da Matriz", se manifestando assim como figura pública, utlizando sua arte como forma de crítica social.

Sim e com isso ele foi indiciado ela Assembléia Legislativa ao Ministério Público, sob a alegação de crimes contra a honra (?)

Esse fato só chama mais a atenção para a artbitrariedade que se está cometendo no poder público. Os deputados aumentam seus proprios salários e mandam prender que ousa se manifestar contra. Não fariam melhor na época do coronelismo. Acho que só perde para a ditadura mesmo.

Como diz o Tonho em sua música:

É hora de falar.
É hora de mudar.
Se a memória é curta, mude a sua conduta.

Abaixo o vídeo com a música de Tonho e o manifesto que ele publicou em seu site.



Manifesto contra a censura e pela liberdade de expressão

Porto Alegre, 02 de agosto de 2011

Eu, Antonio Carlos Crocco, nome artístico Tonho Crocco, Brasileiro e morador da cidade de Porto Alegre/RS estou sendo processado por intermédio de uma ação no Ministério Público encaminhada em nome do ex-presidente da Assembléia Legislativa do Estado do Rio Grande do Sul e atual Deputado Federal do PDT GIOVANI CHERINI por crimes contra a HONRA.
A audiência preliminar acontece no dia 22 de agosto de 2011, segunda-feira às 15h no Foro Central de Porto Alegre/RS.

Explicando a situação: 
No dia 21 de dezembro de 2010, 36 deputados estaduais votaram a favor do aumento de 73% de seus próprios salários.
O substituto do Projeto de Lei 352/2010, elevou o salário dos parlamentares de R$ 11.564,76 para R$ 20.042,34.
Em menos de 24h consegui compor e gravar o vídeo protesto "Gangue da Matriz" que já recebeu mais de 37 mil visualizações no Youtube e está a disposição para download no www.tonhocrocco.com 
Para quem não viu, aqui o link

A assembléia, representada na época pelo Deputado GIOVANI CHERINI encaminhou ao Ministério Público representação de ilicitude, pedindo providências, na qual fui intimado e indiciado por CRIMES CONTRA A HONRA.
O artigo 138, 139 e 140 do código penal prevê pena de 1 mês a 2 anos de detenção.

Não seria esta ação uma forma de censura à liberdade de expressão?
Não estaria o excelentíssimo Deputado ou a quem ele representou agindo de forma truculenta?
Estaríamos retrocedendo aos tempos da ditadura?
Será mesmo que estamos numa democracia?

Meu verdadeiro temor é que se abra um precedente coibindo as manifestação políticas; principalmente aquelas que usam de vias pacíficas e da ARTE como forma de expressão.
Gostaria de contar com o apoio e mobilização dos que concordam com esta filosofia. Não apenas a classe artística e sim de todas pessoas que compartilham esta visão.

Repasse e divulgue este manifesto.
Envie sua mensagem para contato@tonhocrocco.com ou www.twitter.com/tonhocrocco que divulgaremos no site e em todas as redes sociais.

segunda-feira, 1 de agosto de 2011



Me falaram que eu tinha que manter meu blog, então to eu aqui de volta. 


E eu vou aproveitar o hiato de ter ficado muito tempo sem escrever para falar de mais de um assunto.




Primeiro, as prioridades. Música. Eu to escutando o tempo todo as duas músicas disponibilizadas no site do Noel Gallagher que já está em pré-venda com seu álbum "High Flying Birds". E já estou sim ansiosa pelo resultado completo de seu trabalho solo. No site já há duas músicas disponíveis para audição, uma instrumental, chamada "Everybody's On The Run" e a The Death Of You And Me". Ah e porque eu não me supreendo hein.  Que coisa linda ouvir uma música de qualidade, um produto genuíno da criação do artista e não uma cópia deslavada do que ele um dia já produziu. Pode até ser que se encontre alguma referência de Oasis no trabalho de Noel, porém ela é bastante disfusa, tendo em vista a diferença e a qualidade das duas músicas apresentadas até agora. Não é um mais ou menos, nem tampouco um "bacaninha", como é o Beady Eye. É um trabalho maduro, de um músico que sabe muito bem aonde quer chegar. 








Outra coisa que quero deixar comentada aqui, tá com atraso, mas vale. Roberto Bolaños, o protagonista das séries Chaves e Chapolin Colorado, esteve neste domingo no twitter, para falar com seus fãs via twitcam. O resultado foi mais de 30 mil espectadores, emocionados em ver aquele senhor que foi o líder de uma turma que divertiu toda uma geração, atrevessou três décadas e ainda continua divertindo tanto adultos como crianças. Teve vários momentos bem tocantes durante a participacão de "Chespirito" na rede social, como a saudação toda carinhosa que ele fez para seus fãs brasileiros, as referências aos bordões de seus personagens, o beijo em sua esposa Florinda Meza, a própria Dona Florinda na série e o mistério em revelar o verdadeiro nome de Chaves. Um momento inédito proporcionado pela tecnologia e a integração digital.


E o SBT resolveu transmitir na sua programação alguns "episódios perdidos" do Chaves, inéditos na programação brasileira. Os episódios vão ser identificados por um selo no canto da tela e podem ser vistos de segunda a sexta, às 18hs.

sexta-feira, 24 de junho de 2011

Olha, se os Strokes anunciassem o fim da banda, eu ia ficar triste, mas eu até ia entender.


Mas o comunicado no twitter ontem, em que a Superguidis anunciou o fim de suas atividades foi, além de muito surpreendente, um balde de água fria. A banda tinha tudo para se firmar por um bom tempo no hall das grandes bandas do rock brasileiro no momento. É no mínimo triste quando a gente vê um projeto de tanto potencial se acabar dessa forma.

E eu fiquei pensando que não deve realmente ser fácil ter uma banda, ainda mais de rock. É um relacionamento que se estabelece ali, muito mais desgastante do que um casamento eu imagino. A convivência em muitos momentos é mais intensa, e é preciso saber lidar com as diferenças, unir os interesses para atingir um único objetivo, e muitas vezes chegam momentos em que um rumo novo se impõe, que surgem novas perspectivas, e não há mais como seguir junto. Nem bom, nem ruim. Apenas diferente.


A notícia repercutiu forte nos blogs nacionais especializados em música e deixou os fãs meio órfãos dos shows viscerais e cheios de atitude, dos riffs pegados e suas letras espontâneas e debochadas, das boas vibrações desses caras tão legais. Mesmo que tenham acabado, eles marcaram, e suas músicas se eternizaram como um registro de uma época. 

segunda-feira, 6 de junho de 2011

Um dia queria escrever tal como um poeta. Se divertir como as crianças. Sentir intensamente como se o momento não tivesse mais fim.

Desculpas não são necessárias quando a vontade fala mais alto. O grande incômodo fora na realidade ter deixado a porta aberta, porém o tempo sempre é o pai de todos.


Sincronicidade é algo que não se cria e não deve passar despercebido. Mas tudo tem um porquê e uma razão já disseram.

Quando a gente não sabe mais o que fazer, o bom é pensar que a vida é um grande filme no qual todos os personagens merecem o final que desejam... mesmo que isso pareça clichê demais.

sábado, 28 de maio de 2011

Legal ver que está acontecendo um movimento de mobilização pública nacional, como foi a Marcha da Liberdade. O evento reuniu cerca de 5 mil pessoas em São Paulo, que percorreram as ruas distribuindo flores e segurando cartazes nos quais as pessoas clamavam pelo livre direito à expressão.

Tudo começou a repressão da polícia à Marcha da Maconha, que foi realizada semana passada, também em São Paulo. Embora os participantes alegassem que era uma manifestação pacífica, houve agressão com gás lacrimogênio e bombas, tal como se fosse uma guerra. Os dois eventos foram proibidos de acontecer por decisão judicial.



Qualquer forma de cercear a opinião pública e o livre direito da manifestação social na verdade é um tiro no pé. No caso da legalização da maconha, parece que quem simplesmente defende esse assunto acaba por assumir um status de usuário da droga e isso não é verdade. Há muitas pessoas que defendem a legalização da maconha, para que se perca o teor ilegal que ele possui, e assim diminuir a influência sobre o tráfico de drogas no país. Há também inúmeros estudos que comprovam o uso medicinal da maconha e seus benefícios que endossam alguns argumentos. Se seu uso fosse regulamentado, tal como é feito com a nicotina, uma substância muito mais maléfica a saúde, seria um problema a menos. 

O fato é que a reação à Marcha da Maconha acarretou em uma vontade da população brasileira ter mais voz ativa na sociedade e sair às ruas para defender o direito à opinião e de defender suas causas, sejam elas quais são. E isso é a beleza de vivermos em um país democrático: o direito assegurado pela constituição de não ser perseguido pelas suas ideias, tal como foi o poeta Gil Scott-Heron, que faleceu na última sexta-feira e acabou sendo homenageado na Marcha pela Liberdade.


terça-feira, 10 de maio de 2011

Então, esgotaram os ingressos para Rock in Rio. E lá se vai (de novo) a minha expectativa de tentar ver o Red Hot, holy god. Apesar de eu querer muito ver esse show, talvez as outras atrações da noite não tenham me empolgado tanto.


Bem que podia ter uma leva de shows legais aqui em Poa, já que teve o Paul. Ou talvez até um festival massa, com shows tipo Arcade Fire, Arctic Monkeys, Strokes, Wilco, Red Hot; mesmo que alguns desses já tenham feito show por aqui. 


Mas pelo menos o centro do país está na onda dos grandes festivais, e já começaram a ser cogitadas as atrações para dois grandes eventos, o SWU e o Planeta Terra. O SWU vai trazer MGMT, queria muito conferir, mas dae ir até uma fazenda na cidade de Paulínia (!) é muita indiada.


Contudo já tenho ótimos motivos para ir no Planeta Terra. A confirmação dos Strokes já confirmava a ida,  mas há notícias fortes de que estão negociando com Florence + the Machine, além de um leve rumor de que Liam Gallagher talvez apareça por lá com seu Beady Eye. 


Bem, como mencionei aqui o Arctic Monkeys, vazou hj mais uma música do novo trabalho deles, "Suck it See" e a cada música nova que eu escuto eu confirmo a minha percepção de que eu vou curtir muito esse disco.  A música se chama Reckless Serenade.

domingo, 8 de maio de 2011

sábado, 7 de maio de 2011

get back to where you once belonged

Hey! =D

Eu meio que fechei o blog pra balanço, mesmo sabendo que isso iria acarretar perda de leitores, de ele acabar não tendo audiência e tal, mas essa medida foi mais do que necessária. Quando eu comecei esse blog, foi meio que uma intenção de reeditar os diários que eu fazia na adolescência. Tá, okey, vc pode achar meio nada a ver essa minha confissão, mas foi realmente esse propósito que me motivou, eu falava sobre coisas mais pessoais, intercalados com comentários sobre coisas que estavam acontecendo ao meu redor. 

Mas muita coisa mudou, o blog mudou de perfil, tal como a minha vida e como foi um processo muito intenso de mudanças, eu precisava parar para refletir e fazer uma faxina geral, o que incluiu o blog.

E eu até cogitei acaber com ele, mas aí eu comecei a lê-lo e eu vi que tem coisas que eu não queria me desfazer. Então eu dei uma bela duma faxinada, e mantive a linha de evolução que esse blog registra na minha vida, e que eu não quero apagar.

E por isso eu to de volta.